Domingo, 21 de Julho de 2024
Publicidade

Papa Francisco pede acolhimento a homossexuais na Igreja e prudência em seminários

Pontífice discute questões globais com sacerdotes em reunião fechada, abordando desde guerras até o aumento da solidão

12/06/2024 às 08h27
Por: Tatiana Lemes
Compartilhe:
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Nesta terça-feira (11), durante uma reunião com sacerdotes na Universidade Salesiana de Roma, o Papa Francisco apelou para que homossexuais sejam "bem-vindos" na Igreja Católica, embora tenha pedido "prudência" quanto à sua eventual entrada nos seminários. A reunião, realizada a portas fechadas, contou com a participação de cerca de 200 sacerdotes, entre 11 e 39 anos de ordenação.

Continua após a publicidade
Anúncio

No encontro, Francisco discutiu a situação atual na Europa e no mundo, incluindo as crises na Terra Santa e na Ucrânia. Ele também abordou a questão da presença de homossexuais nos seminários, tema que voltou à tona duas semanas após o pontífice se desculpar por declarações anteriores sobre o assunto.

O papa alertou contra o perigo das ideologias na Igreja e enfatizou a necessidade de acolher e acompanhar pessoas com "tendências homossexuais". Ele pediu a "indicação prudencial do Dicastério para o Clero sobre sua admissão aos seminários".

Além disso, Francisco criticou os enormes investimentos em armas, contraceptivos, despesas veterinárias e cirurgias estéticas. Ele exortou a Igreja a trabalhar mais no magistério social, esforçando-se pelo bem comum, pela paz e pelo engajamento político como uma forma elevada de caridade.

O papa incentivou os sacerdotes a acompanhar com proximidade, compaixão e ternura as pessoas que sofrem e os idosos, e pediu às congregações religiosas que utilizem seus prédios para ajudar na "emergência habitacional" em Roma. Francisco também expressou preocupação com o aumento das drogas e "a tragédia da solidão", conclamando os sacerdotes a buscar essas pessoas necessitadas.

"Nosso trabalho como sacerdotes é ir em busca dessas pessoas", declarou o papa.

Receba as principais notícias do Brasil pelo WhatsApp. Clique aqui para entrar na lista VIP do WK Notícias. 

Continua após a publicidade

*Com informações Pleno News

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários