Domingo, 21 de Julho de 2024
Publicidade

TCU conclui investigação sobre financiamento do BNDES a obras em países aliados

Esquema de bilhões em financiamentos sem licitação para obras internacionais é avalizado pelo Tribunal de Contas da União

10/07/2024 às 11h59
Por: Tatiana Lemes
Compartilhe:
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O Tribunal de Contas da União (TCU) encerrou a investigação sobre o esquema de financiamento do BNDES a obras em países aliados, como Cuba e Venezuela, durante os governos do presidente Lula. Contrariando expectativas, o ministro Jorge Oliveira, nomeado por Jair Bolsonaro, concluiu que não houve irregularidades significativas no processo.

Continua após a publicidade
Anúncio

O esquema envolvia bilhões de reais pagos diretamente no Brasil, sem licitação, a empresas como a Odebrecht, que se destacou como a principal beneficiária. Sob os termos do acordo, o financiamento era oferecido aos países aliados com a condição de que as obras fossem executadas por empreiteiras indicadas pelo governo brasileiro.

Entre as obras financiadas estavam o porto de Mariel em Cuba, rodovias na Venezuela, aeroportos na África e hidrelétricas na América Central. Cada acordo era mantido em sigilo, o que blindava as obras de fiscalizações do TCU e do Ministério Público Federal, que não têm jurisdição para investigar atividades em outros países.

A decisão do TCU de avalizar o esquema como regular representa um ponto de inflexão nas discussões sobre a transparência e legalidade dos financiamentos internacionais promovidos pelo Brasil.

Receba as principais notícias do Brasil pelo WhatsApp. Clique aqui para entrar na lista VIP do WK Notícias. 

*Com informações Diário do Poder

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários